Como escolher um negócio

Há muitos aspectos que são considerados na escolha de um negócio. Porém, 2 aspectos são mais fáceis de serem apontados: O emocional e o racional.

O emocional comanda tudo. Imagine que alguém convide você para fazer uma palestra bem paga, dentro de 48 horas, sobre um assunto que você domina. Mas se você não se sente bem (emocional) fazendo isso, você não vai.

É possível que alguém se sinta bem cozinhando; então procura ganhar dinheiro na área de restaurantes.

Outra pessoa se sente bem falando de produtos de beleza; então, a pessoa procura ganhar dinheiro na área de cosméticos.

Existem mil exemplos que poderíamos citar.

Isso causa uma grande frustração quando você tenta trazer uma pessoa para algo muito lucrativo ou vantajoso.

Eu vi, muitas vezes, pessoas participando de reuniões onde eram apresentados produtos para emagrecer, com os quais era possível ganhar um bom dinheiro, já que a área de controle de peso no Brasil está muito precisada. Aí, a pessoa estava acima do peso e simplesmente dizia não. Nem pensava que com o resultado dela pudesse impactar pelo menos cinco ao seu redor.

O lado emocional é inegociável e nada se pode fazer.

O racional, por mais que alguém discorde do que vou dizer, é comandado pelo emocional. Veja que situações interessantes:

1.Uma pessoa conhece um negócio onde tem que investir apenas 75 reais. E para recuperar o dinheiro sem vender nada, precisa de apenas 3 pessoas. Para ganhar 200 reais, precisa indicar apenas 8 pessoas com o mesmo valor de investimento.

2. A mesma pessoa recebe a apresentação de uma empresa em que precisa pagar 75 reais para a adesão, mas para recuperar o investimento sem vender nada, são necessárias 15 pessoas. Para ganhar 200 reais, precisa de 40 pessoas com o mesmo valor de investimento.

3. De outra feita, ela se deparou com um negócio onde tinha que investir mais de 2.000 reais. Para recuperar tudo sem vender nada, teria que encontrar de 7 a 10 pessoas que teriam que entrar com o mesmo tipo de valor.

Eu conheci 2 pessoas que decidiram de maneiras diferentes.

Uma escolheu o negócio número 2 porque a empresa tinha produtos para o cabelo. A outra escolheu a empresa número 3 porque foi a um evento muito bonito em que havia algumas pessoas ganhando muito dinheiro e as demais estavam muito entusiasmadas.

Elas deixaram passar a empresa cujo negócio era mais fácil de fazer e que tinha o maior retorno.

Nessas situações, não há nada que possamos fazer, a não ser procurar outras pessoas. O emocional sempre ganha.

O lado racional é usado como argumento pelas pessoas apenas para justificar o que elas fazem, mas, na verdade, elas fazem o que gostam; o que as faz se sentirem bem.

Se você tem visto coisas desse tipo, seja bem vindo ao marketing multinível.

Conheça, o vídeo de 10 minutos abaixo, a empresa em que você pode ganhar mais de 20.000 reais, começando com apenas 75 reais. Parece estranho, mas trata-se de uma configuração jamais usada por outra empresa no Brasil e no mundo. Se sentir vontade – emoção – de se cadastrar, clique no botão ao final da página e conheça o plano completo da empresa.

 

Anúncios

Sobre Celso Silva

Meu nome é Celso Silva; nasci no Rio de Janeiro, em 24 de fevereiro de 1950. Aos 17 anos ingressei na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, São Paulo, e após 3 anos, fui para a Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, Rio de Janeiro, formando-me em dezembro de 1973. Segui a carreira militar, passando para a reserva como coronel.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s