Porque as empresas de marketing multinível não aproveitam seus melhores momentos?

Slide31Considero que esse melhor momento é aquele em que a empresa adquiriu uma credibilidade tal que parece que, a partir daí, ela vai crescer no piloto automático, sem necessidade de grandes promoções.

Desde 2012, participando de diversas empresas, eu tenho verificado que, no melhor momento, as empresas dão uma freada, por conta de mudanças, produzindo uma grande quantidade de insatisfeitos no mercado. Mas adiante, vou contar as minhas várias histórias em empresas que caíram porque mudaram alguma coisa do plano inicial.

No momento em que uma empresa começa a divulgar o seu plano, de imediato, alguns grandes líderes abraçam a causa e depois vem os entusiastas viciados que dão tudo para que a empresa comece a aparecer. Esses grandes líderes e os entusiastas do marketing multinível fazem um grande alarde sobre a empresa, porque no lançamento, foi apresentado um plano com ingredientes considerados imbatíveis por eles. Então, eles fazem sites, gravam vídeos, criam estratégias para atrair as pessoas, fazem ligações para os amigos falando de algo que AGORA vai mudar a vida de todo mundo para sempre etc.

Depois que tudo está indo de vento em popa, as empresas se esquecem que o que a levou a “bombar” foi o plano apresentado no primeiro dia; aí introduzem modificações que interrompem aquele crescimento. Estou cansado de ouvir alguns seguidores dizerem: Viu Celso! Não te falei que eles não iam deixar as coisas do jeito que você falou?

Acho que já dá para contar as minhas histórias, desde 2012. E vou dar os nomes porque é tudo verdade.

No final de agosto de 2012, associei-me a uma empresa chamada Oak Cosmetics, que tinha um plano que indicava que a empresa seria a maior do Brasil, no setor de perfumes. Porque ela seria a maior? Porque estava aberta não só para líderes, mas também para pessoas comuns e aquelas que se acham importantes demais para participar do marketing multinível. O plano dela era baseado em uma matriz forçada 2X7, com infinitas reentradas. Qualquer pessoa que se ativasse nela, apenas para usar 1 perfume, estava fadada a ganhar dinheiro, porque o crescimento de uma matriz forçada “2 por-alguma-coisa” independe da existência de muitos líderes; basta apenas um líder e alguns entusiastas que ela crescerá pelo próprio resultado financeiro gerado.

Em relação à Oak Cosmetics, eu nunca estive, na minha vida, tão entusiasmado e feliz quanto naquele período de 3 meses que foram usados como pré-lançamento. 3 meses, sonhando acordado, imaginando como a minha vida e as vidas das outras pessoas mudariam!

Pois bem, veio o lançamento, vieram as ativações, mas a empresa, simplesmente, NÃO PAGOU o correspondente ao plano da matriz. Vários elementos perderam a credibilidade: O marketing multinível, a empresa, eu e outros companheiros, além dos 3 meses que perdemos.

Aquele melhor momento foi perdido.

Porque as empresas não aproveitam seus melhores momentos?

Em seguida, em janeiro de 2013, associei-me à Akmos, uma empresa que tem ótimos produtos. Novamente, embarquei no plano da empresa, baseado no binário e no uni-level.

Como não ganhei dinheiro na Herbalife, onde fiquei mais de 9 anos, não tenho aquela linda lista quente para atuar; ninguém segue quem perdeu dinheiro. Muitos leitores sabem do que estou dizendo. Por isso, invisto pesado, há mais de 4 anos em anúncios de jornal, que é uma divulgação de resultado garantido. Eu também uso a divulgação nas redes sociais, apenas para não descartar a possibilidade do fator sorte, porque o congestionamento nelas é tão grande que as pessoas ficam perdidas.

Mais uma vez, depois de ter cadastrado mais de 400 pessoas, montado uma rede de 2.000 pessoas, alugado sala para apresentações, gasto um bom dinheiro com anúncios de jornal, veio, ainda em 2013, o “SETEMBRO NEGRO”. O que foi o “setembro negro”?

Simplesmente, em setembro, a empresa mudou o tempo válido para uma pessoa se qualificar; era de 2 meses e passou para 1 mês. Muitas pessoas que investiram durante meses e anos no diferencial da empresa em relação às outras, que era o período de qualificação, se viram, de repente, como mentirosas, principalmente para as pessoas que tinham acabado de se cadastrar, que são as pessoas que ainda precisam acreditar no negócio. Eu deixei de passar para o próximo nível, que seria em setembro, fiquei muito triste, mas continuei, porque não sou uma pessoa raivosa. Porém outras se zangaram, falaram cobras e lagartos e abandonaram a empresa. Nunca mais vimos pessoas sendo qualificadas com a velocidade como acontecia antes do “setembro negro”. A empresa tentou várias medidas para voltar ao sucesso que tinha, mas até hoje, não conseguiu.

Em julho e agosto, a empresa estava bombando.

Porque as empresas não aproveitam seus melhores momentos?

Depois, como nunca desisto, associei-me à Balsamo Perfumes.

Essa empresa, que tem excelentes perfumes, estava praticamente parada depois do tsunami que devastou o multinível, durante a atuação da Telexfree, Bbom e Multiclick. Essas empresas representaram tudo aquilo que as pessoas queriam: Ganhar dinheiro de verdade sem precisar ser líder; bastava-se ganhar dinheiro e contar a história para alguém. As empresas tradicionais insistem na prática de se ganhar dinheiro com trabalho duro de sol a sol; ou seja, só valorizam os líderes, deixando o povão ou os copos cheios fora do multinível. Esse é o motivo pelo qual se abre uma empresa nova a cada momento: para aproveitar os líderes insatisfeitos. Na minha experiência na Azenka, vou comprovar isso.

Voltando para a Balsamo Perfumes. Essa empresa me fez voltar a sonhar. As pessoas iniciavam em uma plataforma chamada “M4trix”, uma matriz baseada em 4 pessoas com 4 níveis, com bonificações sempre de 50% da adesão dos novos associados, que eram pagas, primeiro para a primeira geração acima, depois para a segunda e assim por diante, até a quarta geração acima. Eu confesso a você que não havia como não ganhar dinheiro.

O primeiro vídeo lançado pela empresa falava apenas em uma ativação para entrar no negócio. As próximas ativações seriam com o próprio dinheiro ganho na rede. Eu adorei isso, porque as pessoas estão cansadas de investir todos os meses, sem ganhar. As empresas se esquecem que quem entra para o negócio é para tirar o pé do lodo, e não para gastar. Essa realidade humana não pode ser ignorada. Se possível, até sem trabalhar!

Eu fiquei tão alucinado e divulguei muito. Eu dizia para os seguidores “NUNCA VI UMA OPORTUNIDADE COMO ESSA”. Os ganhos chegariam a mais de 50.000 reais!

Cadastrando apenas 30 pessoas, a minha rede chegou a 585 pessoas em 3 meses e meio!

Com esse plano, a empresa atraiu muitos grandes líderes que, como sempre, vestiram a camisa e deram tudo de si. Mas a alegria durou pouco. Antes de terminar o primeiro mês, alguém falou uma coisa, dando a sentença de morte do plano: TEM QUE SE ATIVAR TODOS OS MESES.

Logo, um amigo que estava numa difícil situação financeira me perguntou: Celso! E se eu não conseguir colocar 4 pessoas no primeiro mês, vou ter que me ativar de novo, antes de ganhar dinheiro? Eu dizia que não, porque me baseava no primeiro vídeo. Mas depois, ficou confirmado. Aí, eu perdi um pouco do embalo, mas continuei, porque isso não era uma tragédia, já que as pessoas permaneciam sempre na mesma posição dentro da rede de quando entrava no negócio. Então, se ela não se ativasse não seria prejudicada. E os bônus passariam para a pessoa ativa seguinte da linha ascendente.

Talvez a voracidade das empresas, em querer ganhar dinheiro muito rápido, esteja sendo o principal motivo delas não pensarem nos pequenos e nos quebrados. SÓ VALORIZAM OS LÍDERES porque eles trazem um bom dinheiro durante um certo tempo. Tenho observado que depois que o trabalho dos líderes faz a empresa chegar ao povão, as rendas se estabilizam ou diminuem e esses líderes começam a procurar outros negócios. SERÁ O OLHO GRANDE?

Depois da primeira mudança, que não considerei um grande problema porque eu sempre digo para as pessoas que elas só devem se ativar novamente se tiverem dinheiro para receber da rede, vieram problemas problemas graves de TI. Os problemas de TI foram corrigidos, há pouco tempo, a empresa tirou o M4triz da função de carro-chefe, e colocou o binário inteligente no lugar; esse binário inteligente preenche todos níveis evitando o maior assassino do binário que é “perna maior-perna menor”.

Enquanto os problemas de TI não foram resolvidos, depois de muitas promessas, os líderes foram perdendo a confiança e a empresa perdeu seu melhor momento de ser a maior.

Porque as empresas não aproveitam seus melhores momentos? Será olho grande?

Eu digo para as pessoas só se ativarem depois que houver dinheiro para receber, porque eu garanto a divulgação para a rede crescer, independente do trabalho dos participantes da rede. Mas isso não funciona na rede uni-level, porque a rede de cada um depende do trabalho individual, premiando os líderes e os empreendedores. Acho que é muito justo haver uma forma dos líderes serem recompensados pelo seu trabalho.

Na matriz forçada e no binário inteligente, depois que a pessoa se ativa a primeira vez, ela é obrigada a ganhar dinheiro se houver um líder comprometido a investir pesado em divulgação. Uma falha no M4trix da Balsamo Perfumes é que a pessoa entrava sem estar ativa. A Azenka começou bem nesse ponto, porque todas as pessoas que se cadastram entram na rede uni-level, mas só entram na Matriz 2X8 ao se ativarem.

Voltei a sonhar mais uma vez com a Azenka. Só que dessa vez, principalmente depois da experiência com a Balsamo Perfumes, não consegui trazer alguns ótimos profissionais que me seguiam. Mesmo assim, estou em uma ótima situação, tendo cadastrado diretamente, em 3 meses e meio, 223 pessoas, e a rede está com 393.

A Azenka, que é dirigida por líderes que passaram por muitas experiências negatvas na maioria das empresas que só pensam no povão como consumidores, tem como carro-chefe a Matriz 2X8. Com a matriz forçada, o povão pode pensar em ganhar dinheiro com o multinível. PRECISAMOS LEMBRAR QUE LÍDERES SÃO UMA PEQUENA PARTE DA POPULAÇÃO; por isso, são disputados pelas empresas que tem planos só para eles.

Mais uma vez, decepção. A empresa resolveu que todos deveriam se ativar na Matriz 2X8, no mínimo de 60 em 60 dias. Como as pessoas novatas não conseguiram ganhar dinheiro para não ter que tirá-lo do bolso de novo, a rede começou a cair e está nos estertores.

Anúncios

Sobre Celso Silva

Meu nome é Celso Silva; nasci no Rio de Janeiro, em 24 de fevereiro de 1950. Aos 17 anos ingressei na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, São Paulo, e após 3 anos, fui para a Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, Rio de Janeiro, formando-me em dezembro de 1973. Segui a carreira militar, passando para a reserva como coronel.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s