As 31 Principais Causas Do Fracasso. Napoleon Hill

 Make your own banner at MyBannerMaker.com

Acredito que você já tenha tentado incentivar uma pessoa a fazer alguma coisa que traria bons resultados para ela. Ao mesmo tempo, você percebia que ela tinha alguma deficiência que teria que ser superada durante o processo. Então, ao mesmo tempo que a incentivava, pedia que Deus fizesse uma intervenção para que tudo desse certo.

Napoleon Hill, escritor do bestseller “Pense e Enriqueça” (título atual: Quem Pensa Enriquece), dá a receita para você ajudar as pessoas que desejam alcançar o sucesso, mas tem alguma deficiência. Vale a pena ler esse trecho do livro.

As 31 Principais Causas Do Fracasso

A maior tragédia da vida consiste em homens e mulheres que tentam seriamente e falham! A tragédia está na maioria avassaladora de gente que falha, comparada aos poucos que vencem.

Tive o privilégio de analisar vários milhares de homens e mulheres, 98% dos quais foram classificados como “fracassos”.

Minha análise demonstrou que há trinta e uma razões principais para o fracasso e treze princípios importantes pelos quais as pessoas acumulam fortunas. Neste capítulo serão apresentadas as descrições das trinta e uma razões principais do fracasso. Ao percorrer a lista, examine-se com auxílio dessa, ponto por ponto, com o propósito de descobrir quantas dessas causas de fracasso estão entre você e o sucesso:

1. Carga hereditária desfavorável: Há muito pouco a fazer, se é que há algo, por pessoas nascidas com deficiência de inteligência. A filosofia dessa obra oferece apenas um método de superar tal fraqueza: que é pelo auxílio da Mente Superior. Observe, porém, que esse é, no entanto, o ÚNICO dos trinta e um casos de fracasso que não pode ser facilmente corrigido por qualquer individuo.

2. Falta de um propósito bem definido na vida: Não há esperança de sucesso para a pessoa que não tem um propósito central, ou objetivo, definido para perseguir. Noventa e oito entre cem dos que analisei não tinham tal objetivo. Talvez essa fosse a principal causa de seu fracasso.

3. Falta de ambição de aspirar acima da mediocridade: Não oferecemos esperança à pessoa indiferente a ponto de não querer progredir na vida e que não esteja disposta a pagar o preço.

4. Instrução insuficiente: Essa é uma desvantagem facilmente sanável. A experiência provou que as pessoas mais instruídas são as que se fazem por si mesmas ou autodidatas. É preciso mais do que um diploma de escola superior para tornar a pessoa instruída. Qualquer pessoa instruída aprendeu a conseguir o que quiser na vida, sem violar direitos alheios. A instrução consiste não tanto nos conhecimentos, mas nos conhecimentos aplicados com eficiência e persistência. As pessoas são pagas não só pelo que sabem, mas, mais especificamente, pelo que fazem com o que sabem.

5. Falta de autodisciplina: A disciplina vem através do autocontrole, o que significa que se deve controlar todas as qualidades negativas. Antes de poder controlar as condições, você deve controlar a si mesmo. Autodomínio é a tarefa mais árdua que você jamais enfrentará. Se não vencer seu eu, será vencido por ele. Você poderá ver, ao mesmo tempo, seu melhor amigo e maior inimigo, colocando-se diante do espelho.

6. Má saúde: Ninguém pode ter êxito acentuado sem boa saúde. Inúmeras causas de má saúde dependem de domínio e controle. São estas as principais:

a. Abusar de comidas prejudiciais a saúde.

b. Hábitos de raciocínio errados; dar expressão a negativismos.

c. Pratica indevida ou exagerada do sexo.

d. Falta de exercício físico certo.

e. Quantidade inadequada de ar fresco, devido à respiração falha.

7. Influências desfavoráveis do meio, durante a infância: “Conforme se curva o galho, a árvore se inclina.” A maioria das pessoas de tendências criminosas adquirem essas tendências como resultado do mau ambiente e de amizades impróprias durante a infância.

8. Procrastinação: Esta é uma das causas mais comuns de fracasso. A procrastinação está à sombra de todo o ser humano, esperando a oportunidade de estragar-lhe as chances de sucesso. A maioria de nós atravessa a vida como fracassado porque espera o “momento certo” para começar algo que valha a pena. Não fique esperando. O momento nunca será “exatamente certo”. Comece onde está e use quaisquer ferramentas que tenha à mão. Ferramentas melhores aparecerão ao longo de seu caminho.

9. Falta de persistência: Muitos de nós somos bons “iniciadores”, mas péssimos “finalizadores” de todas as coisas que começamos. Além do que, as pessoas estão inclinadas a desistir aos primeiros sinais da derrota. Não há substituto para a persistência. A pessoa que faz da persistência sua palavra chave, descobre que o “Velho Senhor Fracasso” finalmente se cansa e vai embora. O fracasso não é capaz de enfrentar a persistência.

10. Personalidade negativa: Não há esperança de sucesso para a pessoa que repele os outros, através de uma personalidade negativa. O sucesso vem pela aplicação do poder e esse é atingido pelo esforço conjunto de outras pessoas. Uma personalidade negativa não induz à cooperação.

11. Falta de controle do impulso sexual: A energia sexual é o mais poderoso de todos os estímulos, que levam as pessoas à ação. Por ser a mais poderosa das emoções, deve ser controlada pela transmutação e dirigida a outros canais.

12. Desejo descontrolado por “ganhar algo de graça”: o instinto de jogador leva milhões de pessoas ao fracasso. Provas disso podem ser encontradas no estudo do colapso de Wall Street, em 1929, quando milhões de pessoas tentaram ganhar dinheiro jogando na bolsa.

13. Falta de poder de decisão definido: Homens bem sucedidos chegam às decisões com rapidez e, se for o caso, as mudam muito lentamente. Homens que fracassam chegam às decisões, se é que chegam, muito lentamente e mudam-nas com rapidez e freqüência. Indecisão e procrastinação são irmãs gêmeas. Onde uma se encontra, geralmente, se pode achar a outra. Destrua esse par, antes que ele o prenda à roda de moer do fracasso.

14. Um ou mais dos seis temores básicos: Esses temores foram analisados para você num dos capítulos seguintes. Devem ser dominados, antes de você poder oferecer seus serviços com eficiência.

15. Escolha errada do cônjuge: Essa é uma das causas mais comuns do fracasso. O casamento põe as pessoas em contato íntimo. Se essa relação não for harmoniosa, é provável que venha o fracasso. Além disso, trata-se de uma forma de fracasso marcada pela tristeza e infelicidade, destruindo todos os sinais de ambição.

16. Excesso de cautela: A pessoa que não se arrisca, geralmente tem de se contentar com as sobras, quando os outros já se satisfizeram, exercendo suas escolhas. O excesso de cautela é tão prejudicial quanto a pouca cautela. Ambos os extremos devem ser evitados. A própria vida está repleta do elemento do risco ou perigo.

17. Escolha errada dos sócios comerciais: Essa é uma das causas mais comuns de fracasso, em negócios. Ao oferecer serviços pessoais, deve-se ter grande cuidado em escolher um empregador que seja uma inspiração e que seja, ele próprio, inteligente e bem sucedido. Nós imitamos aqueles com quem nos associamos mais proximamente. Escolha um empregador que mereça ser imitado.

18. Superstição e preconceito: Superstição é um tipo de temor. É também um sinal de ignorância. Os homens de êxito mantêm a mente aberta e não temem nada.

19. Escolha errada de vocação: Ninguém pode obter sucesso numa linha de atividade que não goste. O passo mais importante na negociação de serviços pessoais é a seleção de uma ocupação a qual você possa se entregar de corpo e alma.

20. Falta de concentrarão de esforço: O pau-para-toda-obra raramente é bom em alguma coisa. Concentre seus esforços em um objetivo definido, principal.

21. O hábito dos gastos indiscriminados: O mão aberta não pode ter sucesso, principalmente porque está sempre apavorado com a pobreza. Forme o hábito da economia sistemática, guardando uma porcentagem definida da sua renda. Dinheiro no banco proporciona uma base segura de coragem, ao negociar a venda de serviços pessoais. Sem dinheiro, é preciso aceitar o que é oferecido e ficar contente de obtê-lo.

22. Falta de entusiasmo: Sem entusiasmo não se pode ser convincente. Além disso, o entusiasmo é contagiante e a pessoa que o tem sob seu domínio é geralmente bem vinda em qualquer grupo de pessoas.

23. Intolerância: Quem tiver mentalidade estreita raramente progride. A intolerância significa que se parou de adquirir conhecimentos. As formas mais danosas de intolerância são as que se relacionam com diferenças de opinião religiosa, racial e política.

24. Intemperança: As formas mais prejudiciais de intemperança relacionam-se com atividades gastronômicas, alcoólicas e sexuais. Abusar de qualquer delas é fatal ao sucesso.

25. Inabilidade de cooperar com outros: Mais gente perde os cargos e grandes oportunidades na vida por essa falta, que por todas as outras razões combinadas. É uma falha que nenhum homem de negócios ou líder bem informado irá tolerar.

26. Posse de poder não adquirido par esforço próprio: (Filhos e filhas de gente rica e os que herdam dinheiro, ganho por outrem.) O poder, nas mãos de quem não o adquiriu gradualmente, é, não raro, fatal ao sucesso. Riqueza rápida demais é mais perigosa que a pobreza.

27. Desonestidade intencional: Não há substituto para a honestidade. Pode-se ser temporariamente desonesto, por força das circunstâncias, sobre as quais não se têm controle, sem dano permanente. Mas não há esperança para a pessoa desonesta por livre escolha. Mais cedo ou mais tarde, suas ações a apanham e ela pagará com a perda da reputação e talvez até da liberdade.

28. Egoísmo e vaidade: Essas qualidades são verdadeiras luzes vermelhas, que avisam aos outros que se afastem. São fatais ao sucesso.

29. Adivinhar em vez de pensar: A maioria das pessoas é indiferente ou preguiçosa demais para reunir fatos com os quais raciocine com exatidão. Preferem agir baseadas em “opiniões”, criadas por adivinhação ou julgamentos instantâneos.

30. Falta de capital: Essa é uma causa comum de fracasso, entre os que começam em negócios, pela primeira vez, sem reserva suficiente de capital para absorver o choque de seus erros e aguentá-los até que estabeleçam sua reputação.

31. Outras causas de fracasso: Inclua aqui qualquer outra causa principal de um fracasso que você tenha sofrido e que não tenha sido incluída na presente lista.

Nessas trinta e uma causas principais de fracasso encontra-se a descrição da tragédia da vida, que acontece a praticamente todos os que tentam e falham. Será de grande utilidade se você puder pedir a alguém que o conheça bem, para percorrer essa lista com você, ajudando-o a se analisar através das trinta e uma causas do fracasso. Será benéfico se o tentar sozinho. A maioria das pessoas não pode se ver como outros a veem. Você pode ser uma delas.”

Anúncios

Sobre Celso Silva

Meu nome é Celso Silva; nasci no Rio de Janeiro, em 24 de fevereiro de 1950. Aos 17 anos ingressei na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, São Paulo, e após 3 anos, fui para a Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, Rio de Janeiro, formando-me em dezembro de 1973. Segui a carreira militar, passando para a reserva como coronel.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s