Como garantir o sucesso de qualquer dieta

Começar uma dieta é difícil, mas, mais duro do que decidir economizar as calorias, é seguir firme nessa decisão. “As armadilhas aparecem de todos os lados: é a fatia de torta na vitrine da doceria, as sobremesas no restaurante, os convites dos amigos para uma happy hour…”, conta a nutricionista Roberta Stella, do Dieta e Saúde. Mas ela conta que dá para atravessar as tentações sem reclamar. A seguir, confira uma série de hábitos sugeridos pelas especialista que vão facilitar a sua vida. Até porque já foi o tempo em que dieta era sinônimo de sofrimento.

Estabelecer uma rotina alimentar: planejar as refeições que farão parte do dia é um passo importante para organizar a alimentação. O ideal é fazer as três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) e dois pequenos lanches.

De acordo com a fome, pode-se estipular em quais períodos do dia você irá ingerir os lanches. Quem sente muita fome pela manhã e à tarde deve fazer os lanches nesse período. Se for à tarde e à noite, após o jantar, estipule o lanche da tarde e o da noite.

Fixar horários para as refeições: dessa maneira, você evita beliscar entre elas e pára de consumir calorias sem perceber. Além disso, fica fácil deixar de comer em horários muito próximos das refeições. Estipule seus horários de acordo com a rotina do dia.

Abandonar as dietas com restrição excessiva: essa é a principal causa de desestímulo e desistência. Não pule nenhuma refeição. Uma restrição calórica muito grande fará com que o seu metabolismo se reduza. O peso poderá se estabilizar e, para voltar a emagrecer, será necessário reduzir ainda mais as calorias e aumentar a atividade física. A restrição calórica deve ser gradativa.

Ter uma alimentação variada: a alimentação não deve ser monótona e nem baseada em poucos alimentos. Por isso, consumir leites e derivados, carnes magras, legumes, frutas, verduras e cereais fará com que a quantidade de nutrientes recomendada seja atingida, mesmo que a quantidade de calorias consumida diminua.

Evitar situações de risco: deixar por perto alimentos que podem representam risco para o seu emagrecimento (chocolates, balas, biscoitos, doces e salgadinhos, por exemplo) dificultará seguir fiel à alimentação desejada. Além disso, na hora de escolher um restaurante ou barzinho, tome a liderança e proponha um lugar onde os riscos de abusos são menores. Pense numa opção que oferece petiscos saudáveis para você.

Saber dizer não: você está de dieta, mas sua família e seus amigos estão livres para comerem à vontade. Eles, até por educação, podem oferecer o seu doce predileto, dizer que fizeram aquele bolo mais do que especial pensando em você. Delicadamente, diga não. Isso será uma vitória para você, dando mais força para seguir em frente.

Saber dizer sim: é o momento de se propor a experimentar novos alimentos e sabores. Se legumes, verduras e frutas não faziam parte do seu cotidiano alimentar, eles deverão fazer parte da alimentação diária. Lembre-se: não é possível fazer uma alimentação equilibrada sem nenhum desses alimentos.

 Não seja influenciável: se um dia os amigos combinarem em ir à uma hamburgueria ou a um restaurante que não te dá alternativas, você não precisa acompanhá-los. Se, ao propor outra opção, eles não aceitarem, recuse o convite. Ficar um dia sem sair com seus amigos não fará com que perca a amizade, mas o risco de desistir em continuar firme na dieta é muito grande.

Persistir: se não resistiu e saiu da dieta, se o peso estacionou por alguns dias ou a baixa nos quilos ficou muito abaixo da esperada, não desista! Essas são situações que ocorrem com todas as pessoas que estão emagrecendo. Difícil escapar delas. Entretanto, a diferença entre a pessoa que atinge o objetivo e aquela que está a todo o momento reiniciando é que a primeira não desistiu.

Pesar-se uma vez por semana: saber a sua evolução é muito importante para estimular a continuar firme em seu propósito. Entretanto, é importante saber que a eliminação de peso não é constante. Nas duas primeiras semanas, a queda de peso tende a ser maior. A partir daí, a redução será mais gradual. Encare isso como um desafio e não como um motivo de desânimo e desestímulo.

 Evitar estoques de alimentos calóricos: no mercado, já é possível encontrar alimentos em porções individuais. Bolacha, chocolate e bombom podem ser comprados por unidade. Utilize toda a sua inteligência. Para que comprar uma caixa de chocolate durante o período de emagrecimento? Não faça a sua própria armadilha.

Participar de discussões sobre emagrecimento: ter contato com

pessoas que têm o mesmo objetivo, trocando experiências e estímulos, fará com que você não se sinta diferente. A conversa dá motivação para alcançar a meta de peso mais rapidamente.

Fazer atividade física: a prática de exercícios regulares é a melhor aliada para o emagrecimento. Reserve um período do dia para se exercitar. Pequenas atitudes já são um bom começo: vá de escada em vez de usar o elevador ou as escadas rolantes. Dispense o carro ou o ônibus nos pequenos percursos e aproveite para andar a pé.

Anúncios

Sobre Celso Silva

Meu nome é Celso Silva; nasci no Rio de Janeiro, em 24 de fevereiro de 1950. Aos 17 anos ingressei na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, São Paulo, e após 3 anos, fui para a Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, Rio de Janeiro, formando-me em dezembro de 1973. Segui a carreira militar, passando para a reserva como coronel.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s